Por uma Sociedade mais igualitária e crítica!

Adorno – A Arte é Alegre

In Teoria Crítica on 15 de junho de 2010 at 17:23

Adorno-A-Arte-e-alegre-1966-doc

O prólogo ao Wallenstein, de Schiller, termina com o seguinte verso: “Séria é a vida, alegre é a arte”. Foi inspirada pelos versos de Ovídio, em Tristia: “Vita verecunda est, Musa jocosa mihi”, ou “Minha vida é contida, a musa me é um divertimento”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: